Agregado para Concreto
 

No processo de fabricação de blocos de EPS o material passa pelo estado de pérolas de espuma de EPS com diâmetros que variam de 1 a 8 mm aproximadamente. Além das pérolas, todo EPS descartado poderá ser moído e reaproveitado. Ambos os casos descritos são agregados leves que servem para a preparação de concreto leve de EPS. Usando esse agregado leve com cimento, areia e água em proporções e numa seqüência específica de mistura, pode-se obter concreto leve com densidade aparente de 300 a 1600 kg/m3.

Sempre que não haja exigência de resistência a grandes esforços, esse tipo de concreto pode ser usado com grande redução de peso em elementos das edificações.

 

Agregado

 

 Além do baixo peso, suas qualidades isolantes ampliam sua utilização dando um grande passo a caminho da industrialização de componentes da construção civil. O fato do EPS praticamente não absorver água e a possibilidade de um acabamento homogêneo de superfície, possibilita o uso do concreto leve em outros elementos arquitetônicos e de paisagismo.

Abrem-se assim inúmeras possibilidades de uso do concreto leve de EPS. Hoje a mais comum é na regularização de lajes, que em alguns casos, pela espessura necessária, não poderia ser feito com outro material. Para quem tem fácil acesso ao reaproveitamento do EPS, o concreto leve, além de versátil, é vantajoso economicamente. Pelo seu coeficiente de dilatação menor que concretos convencionais, Prefeituras que contam com coleta seletiva de lixo podem utilizar o EPS moído na produção de concreto leve para calçadas, quadras esportivas, bancos de jardim, vasos, balaústres, casas pré-fabricadas, enfim, quase tudo que se faz com concreto à excessão de estruturas.

APLICAÇÕES

• Regularização de lajes em geral: Inclinação para escoamento
• Painéis de fechamento: Prédios/casas pré-fabricadas/galpões
• Elementos pré-fabricados: Lajotas/blocos vazados, pilares para muros, elementos vazados, elementos decorativos para fachadas e jardins
• Pavimentos: Calçadas, painéis para fechamento de galerias
• Elementos tipo "móveis": Bancos para ambientes externos, base para montagem de sofás / balcões / camas.
• Áreas de Lazer: Quadras de esporte, base para dispositivos de exercícios

As aplicações do EPS na construção civil são extraordinariamente variadas, sendo de salientar que o EPS, para além de ser um excelente material de isolamento térmico, pode também ser um sistema construtivo.

VANTAGENS

Baixa condutibilidade térmica


A estrutura de células fechadas, cheias de ar, dificultam a passagem do calor o que confere ao EPS um grande poder isolante.

Leve


As densidades do EPS variam entre os 10-30 kg/m3, permitindo uma redução substancial do peso das construções.

Resistência mecânica

Apesar de muito leve, o EPS tem uma resistência mecânica elevada, que permite o seu emprego onde esta característica é necessária.

Baixa absorção de água e insensível à humidade

O EPS não é higroscópio. Mesmo quando imerso em água o EPS absorve apenas pequenas quantidades de água. Tal garante que o EPS mantém as suas características térmicas e mecânicas mesmo sob a acção da humidade.

Fácil de manusear e colocar

O EPS é um material que se trabalha com as ferramentas habitualmente disponíveis, garantindo a sua adaptação perfeita à obra.
O baixo peso do EPS facilita o manuseamento do mesmo em obra.
Todas as operações de movimentação e colocação resultam significativamente encurtadas.

Resistente quimicamente

O EPS é compatível com a maioria dos materiais correntemente utilizados na construção de edifícios, tais como cimento, gesso, cal, água, etc.

Versátil

O EPS pode apresentar-se numa multitude de tamanhos e formas, que se ajustam sempre às necessidades específicas da construção.

Resistente ao envelhecimento

Todas as propriedades do EPS mantêm-se inalteradas ao longo da vida do material, que é pelo menos tão longa quanto a vida da construção de que faz parte.
O EPS não apodrece nem ganha bolor, não é solúvel em água nem liberta substancias para o ambiente.
O EPS não constitui substrato ou alimento para o desenvolvimento de animais ou microrganismos.

Agregado leve para concreto

No processo de fabricação de blocos de EPS o material passa pelo estado de pérolas de espuma de EPS com diâmetros que variam de 1 a 8 mm aproximadamente. Além das pérolas, todo EPS descartado poderá ser moído e reaproveitado. Ambos os casos descritos são agregados leves que servem para a preparação de concreto leve de EPS. Usando esse agregado leve com cimento, areia e água em proporções e numa seqüência específica de mistura, pode-se obter concreto leve com densidade aparente de 300 a 1600 kg/m3.

Sempre que não haja exigência de resistência a grandes esforços, esse tipo de concreto pode ser usado com grande redução de peso em elementos das edificações.

Além do baixo peso, suas qualidades isolantes ampliam sua utilização dando um grande passo a caminho da industrialização de componentes da construção civil.

O fato do EPS praticamente não absorver água e a possibilidade de um acabamento homogêneo de superfície, possibilita o uso do concreto leve em outros elementos arquitetônicos e de paisagismo. Abrem-se assim inúmeras possibilidades de uso do concreto leve de EPS. Hoje a mais comum é na regularização de lajes, que em alguns casos, pela espessura necessária, não poderia ser feito com outro material.

Para quem tem fácil acesso ao reaproveitamento do EPS, o concreto leve, além de versátil, é vantajoso economicamente. Pelo seu coeficiente de dilatação menor que concretos convencionais, Prefeituras que contam com coleta seletiva de lixo podem utilizar o EPS moído na produção de concreto leve para calçadas, quadras esportivas, bancos de jardim, vasos, balaústres, casas pré-fabricadas, enfim, quase tudo que se faz com concreto à excessão de estruturas.

APLICAÇÕES

Regularização de lajes em geral: Inclinação para escoamento
Painéis de fechamento: Prédios/casas pré-fabricadas/galpões
Elementos pré-fabricados: Lajotas/blocos vazados, pilares para muros, elementos vazados, elementos decorativos para fachadas e jardins
Pavimentos: Calçadas, painéis para fechamento de galerias
Elementos tipo "móveis": Bancos para ambientes externos, base para montagem de sofás / balcões / camas.
Áreas de Lazer: Quadras de esporte, base para dispositivos de exercícios

Concreto Leve 900 Kg/m3 - Certificado pela COPPETEC do (RJ)

Relação para 1 m3 - Referência ao V-4 adotado pela COPPETEC.

 

 

Tabela